10 Comentários

Adeus a Jerry Robinson, o pai do Coringa

Um dos últimos presentes na concepção do Homem Morcego tinha 89 anos.

E o mundo dos quadrinhos perdeu esta semana um  de seus grandes talentos. O artista Jerry Robinson morreu ontem aos 89 anos. Robinson tornou se nome conhecido no mundo das HQs ao se tornar arte-finalista nas primeiras histórias do Batman, contratado pelo saudoso Bob Kane. E inspirado pelo protagonista do filme “The Man Who Laughs” , idealizou um vilão que marcaria a cultura pop com um grande e doentio sorriso: O Coringa, o Joker, o palhaço.

A primeira aparição do palhaço

Em compensação, ele também atenuou a solitária guerra do Cavaleiro das Trevas sendo o co-criador do Robin (Um referência  à Robin Hood, embora muitos falassem ser uma homenagem ao próprio “Robinson”), um personagem que eu realmente gosto. Rola uma certa controvérsia com relação à “paternidade” do Joker, uma vez que Robinson e Kane já reivindicaram a façanha, embora em 1994, Kane tenha dito que ambos criaram, mas Robinson desenhou. Verdade seja dita que, embora o mérito de Kane seja indiscutível, temos de agradecer também  às colaborações de Robinson e Bill Finger, que trouxeram muitas contribuições para trazer ao mundo o mais soturno e venerado justiceiro dos quadrinhos.

Jerry Robinson: 1922-2011

Fica nossa homenagem ao grande talento!

About these ads

10 comentários em “Adeus a Jerry Robinson, o pai do Coringa

  1. O Coringa é o vilão dos vilões, sem dúvida. Acho que o verdadeiro Coringa é o que é mostrado no filme The Dark Knight e na HQ homônima de Brian Azzarello, por exemplo: um terrorista, um agente do caos, uma pessoa inteligente, perigosa, confusa e com um passado tão misterioso quanto muito violento.

    Já o Batman eu vejo quase como uma espécie de Michael Jackson: um cara que teve a infância roubada, se diverte com seu dinheiro e seus brinquedinhos e sempre quis amigos “da mesma idade”, como o Robin. Essa leitura não sei se alguém já fez, até porque todo mundo gosta do Batman são e sombrio, centrado. Mas pra mim uma pessoa que entregasse a vida a se fantasiar de morcega e dar porrada em criminoso com certeza seria tão doente quanto o Coringa.

  2. Sei que o comentário acima pode enfurecer os fãs da morcega, mas acreditem, o Batman é um dos heróis que eu mais gosto.

  3. Robin não é um pássaro? Lembro que no Batman Eternamente tem um Robin (na versão em português virou “tordo”) no capacete que o Dick Grayson usava e é daí que vem o apelido.

  4. Citação a filme ruim a parte – foi uma grande perda não só para os quadrinhos, mas para a cultura pop em geral! Bom que ele conseguiu ver a “versão definitiva” do Coringa nas telas do cinema em TDK.

  5. Rest In Peace, great genious…

  6. Ano passado ou retrasado passou um documentario sobre ele na TV Cultura!

  7. @Apolo
    Sempre preferir o coringa assim, anarquico e extremamente louco!

    Se Nicholson fosse 1/4 do Coringa de Ledger o personagem teria tido seu filme proprio a muito tempo!!!

  8. @rurouniandre, pra mim o Coringa de Jack Nicholson foi brilhante e essa comparação é inútil.

  9. Gostei muito…ta bem inusitado :)

  10. PQ este mundo não produz mais artista com tanto talento quanto ele, mas não para de produzir copiadores em? Essa é uma Triste perda para o mundo.

Comenta, liso! É grátis.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.858 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: