3 Comentários

The Walking Dead: roteiristas no olho da rua

A pergunta que fica é: por que os executivos inventam de mexer em time que tá ganhando?

Engraçado como coisa boa de vez em quando dá notícia ruim. Depois de anunciarem que a próxima temporada só vem depois de quase um ano, olha a bomba.

Segundo informações do Deadline Hollywood, assim que os roteiristas entregaram o sexto e último episódio da primeira temporada nas mãos de Frank Darabont, ele retribuiu dizendo: “Um forte abraço pra vocês”. A justificativa não foi das mais convincentes: parece que o papo para o novo ano da série é só chamar freelancers para escrever e não contratados. O que causou estranheza nos atuais escritores pois a série quebrou recordes de audiência agradando crítica e público.

Não se sabe se foi realmente esse o real motivo que fez Darabont chutar o caras pra fora do barco ou se foi pela clássica “diferença criativa”. Afinal, na segunda parte da temporada rolou uma aprofundada nos motivos que levaram o mundo ao apocalipse zumbi, coisa que na HQ não foi bem explorada. Se bem que mudar os rumos da história não é de todo ruim. Só espero que não fique muito científico e deixe o lado humano de fora.

Ou ainda (isso já sou eu especulando) o cara pode estar se achando o pica das galáxias da TV e quer colher os frutos do sucesso sozinho, vai saber.

Saiu um sneak peek do fim do ano 1:

O season finale vai ao ar no próximo domingo dia 5 no AMC e dia 07 de dezembro na Fox.

Leia mais sobre a série aqui.

3 comentários em “The Walking Dead: roteiristas no olho da rua

  1. q notícia chata em…

    To sentindo cheiro de MERDA….

  2. Cara, não é ocaso de Frank Darabont estar se achando o cara! A questão toda de ele despedir os roteiristas é o seguinte: vamos fazer as contas: ele escreveu os dois primeiros episódios SOZINHO!, depois ele ainda corroteirizou e reescreveu os outros quatro seguintes, ai incluindo o feito em parceria com o próprio autor da série, Robert Kirkman. Pô, vamos pensar: se é para fazer quase tudo, então não vamos gastar com roteiristas regulares, é mais prático usar os free-lancers, sem compromisso nenhum com a série e mais baratos! Mas ainda acho que vai dar problema com o Sindicato dos Roteiristas dos Estados Unidos, ah, vai!
    Abs! 😀

  3. Se for o que o Thyago tá falando mesmo; então o raciocinio do cara faz sentido.
    O que não significa sucesso garantido! Pode sim vir merda por aí.

Comenta, liso! É grátis.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: