5 Comentários

Joss Whedon comenta o que seria ideal para um filme da Liga da Justiça

Calam, ele não está envolvido e nem tem projeto em andamento, mas para quem não sabe ou não se lembra, o diretor de Vingadores já tentou levar, sem sucesso, Batman e Mulher Maravilha para o cinema, mas esbarrou nas pendengas da Warner. Com o atual sucesso de Vingadores após as primeiras exibições para a imprensa, foi inevitável que alguém fizesse um pergunta a respeito disso, e fizeram. Um repórter perguntou a ele que conselho ele daria à Warner para o filme com Superman, Batman e cia., ele respondeu assim:

“É extremamente difícil pegar personagens distintos e fazê-los funcionar E a DC tem mais tempo que a Marvel porque seus personagens são de uma época mais antiga. Os persnoagens deles eram maiores dos que os nossos. Eles alteraram isso, mas a Marvel descobriu o segredo em termos de ‘oh, eles são iguais a nós”. Uma dose de veracidade que começou com Homem de Ferro, acho que se precisa disso como base “

Concordam ou não? Eu acho que sim, o personagem deve ser fantástico e ter essas características mas sempre terá que ter um elemento que o aproxime do público. Na Marvel isso é mais fácil porque o Stan Lee sempre pensou em seus personagens trabalhando essa identificação do leitor, já na DC, os diferentes autores dos personagens não tiveram essa sacada, muito embora o Superman tenha muitos elementos pegos da vida de Jerry Siegel e Joe Shuster, como a origem de Lois Lane, por exemplo. Mas acho que, antes de pensar na forma de como levar os personagens, a Warner deveria pensar primeiro em dar mais liberdade criativa aos seus diretores, roteiristas, atores, e não deixar decisões empresariais, burocráticas e publicitárias arruinarem o que poderiam ter sido bons filmes, como Batman & Robin e Lanterna Verde.

Gente como Chris Nolan, Joaquim dos Santos, Paul Dini e Bruce Timm agradecem.

Anúncios

5 comentários em “Joss Whedon comenta o que seria ideal para um filme da Liga da Justiça

  1. desde quando thor é proximo de nós humanos?

  2. Eu não entendo isso das pessoas… Vcs tão indo assistir um filme de FANTASIA, de super-heróis!!! Querem realidade assistam documentários, simples assim! Igual Game of Thrones, total heresia classificarem de “fantasia pra adultos”, termo mais ridículo, só pra mascarar a realidade e fazer as “criancinhas” se acharem machos e homens, ppfff… Define como obra de ficção, não fantasia, carareo!!!

  3. Eu até quero um filme da Liga, mas só daqui a no mínimo uns 10 anos pra eles aprenderem a fazer direitinho. Acho que o Lanterna sepultou um pouco esse sonho.

  4. @Anderson

    Muitas vezes o que é ficional demais não funciona no live action. Lanterna Verde é um bom exemplo disso. E não é nem a questão do design ou efeitos, mas de desenvolvimento de roteiro e de personagens. Eu acredito, sim, que é preciso, ter um mínimo de embasamento na realidade que deixe a coisa crível se houver espaço para tanto.

  5. @Sérgio

    Eu não assisti ainda ao filme do LV (e, sinceramente, nem sei se vou), mas SE assistir, vou tentar analisar essa ótica que vc expôs sobre o filme, e então tentar entender o que seria esse fantasioso demais que vc comentou e como isso afetou negativamente o filme, e pq isso provaria que não dá muito certo nos filmes.

Comenta, liso! É grátis.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: