4 Comentários

100Grana viu: O Hobbit- Uma Jornada Inesperada

Demorou mas saiu a critica.

hobbitpaper

Eu nunca li os livros de J.R.R.Tolkien. O mais perto que cheguei foi começar a ler A Sociedade do Anel, mas fiquei sem saco de acompanhar o autor descrevendo detalhadamente os sulcos do caule de um árvore pela qual Frodo e Sam passam. Sem querer ofender os que gostam dos livros  ou de livros em geral, eu também leio, mas no meu entender, mesmo com todas as alterações feitas, Peter Jackson fez um grande favor à  cultura e ao público ao adaptar estas obras para o cinema, em uma linguagem acessível para todos.

Eu gosto muito da trilogia, e quando ela terminou, ficou com um indisfarcável gosto de quero mais na mente dos cinéfilos mundo afora. E sabendo-se que existiam histórias passadas antes e depois dos três filmes, sempre houve uma grande pressão, como era de se esperar, que virasse filme também. Mas nesse caso foi mais complicado. Além das brigas judiciais com os herdeiros de Tolkien, teve a falência da MGM, uma das distribuidoras do filme, que só quando se reergueu que os trbahlso puderam ser retomados.

O que me incomodou neste filme foram poucas coisas, mas que não passaram batido.Uma delas foi justamente por causa da (desnecessária) decisão de transformar a coisa toda em uma nova trilogia. O filme precisou ser esticado, dizem, mas como nunca li os livros, como já disse, não senti tanto quanto os leitores perceberam. A outra  eu sabia  o que era, mas não sabia como chamar, até que Vinicius Passos batizou a criança: Prequelite. Peter Jackson pareceu padecer do mesmo mal de George Lucas, com uma estranha necessidade de, em uma prequel, incluir  personagens e eventos para, talvez, fazer o público sentir-se mais familiarizado com o ambiente do universo da Terra-Média. O que eu realmente achei desnecessário.

Sem querer entregar spoilers mas para resumir o que quero dizer com esta última colocação, sugiro que observem a cena em que Bilbo usa o poder do anel pela primeira vez. Confesso que fiquei meio decepcionado.

Mas falemos das coisas boas. Vou destacar primeiro o elenco. O grande desafio de interpretar personagens que já tiveram outros atores no posto não é passar credibilidade, mas sim fazer com que o público acredite ser o personagem que eles conheceram. E para isso acontecer, o ator tem de trazer algo novo, algo que se encaixe com o perfil do mesmo. E Martin Freeman, o Bilbo 60 anos mais jovem, conseguiu isso. Aquele não é o Bilbo de Ian Holm, ansioso por se aventurar de novo. É um jovem Bilbo, medroso e sem nenhuma vontade de sair pelo mundo em busca de perigos. E Freeman transmitiu isso muito bem em sua interpretação.

b_bilbo

Ian Mackellen, mesmo visivelmente mais envelhecido neste filme, volta ao papel de Gandalf mantendo a competência de antes, e mostra porque é um dos personagens mais queridos da franquia. Outro que também volta é Andy Serkis, que ajudado pelo motion capture, mais uma vez faz de Gollum um personagem que nos faz sentir sentimentos diversos: humor, asco, pena, etc.

9e9sx

Mas quem realmente me chamou nessa atenção foi um dos estreantes na franquia, o britânico Richard Armitage.E para os fãs, ele não é totalmente estranho. Não tinha me ligado que ele é o espião da Hidra em Capitão América.

captain_america_04

Eu sempre vi os anões de um forma mais como alívio cômico do que personagem de ação como Éomer, Legolas ou Aragorn. Mas Thorin Escudo-de-Carvalho mudou essa concepção. Foi como um misto de Aragorn e Boromir de bolso. Resumidamente, claro. Thorin demonstra uma pose de nobre, que confia em poucos e não gosta de ser contrariado, mas ao mesmo tempo, é um amigo leal, e no meu entender, protagonizou a cena mais emocionante do filme inteiro.

thorin

Também não há como não notar a mão de Guillermo Del Toro na produção. Os orcs, trolls, por exemplo, parecem mais críveis e detestáveis do que costume. Outra coisa que também curti foram as canções, foi interessante ver a presença de mais músicas cantadas ao longo da produção, na minha opinião foram boas surpresas.

Não exagero ao dizer que para mim, o resultado de O Hobbit foi superior ao de A Sociedade do Anel. Boas cenas de ação, divertido, mais humor, empolgante. E que venham os próximos filmes =)

Cotação: R$10,00

Anúncios

4 comentários em “100Grana viu: O Hobbit- Uma Jornada Inesperada

  1. Fiquem atentos para a espada “Mágica” do Thorin, que tem o poder de aparecer mágicamente junto a ele ao passear com nossos amigos de penas.

    Apoio Middle-Earth Airlines.

    Precisando Fugir de altas torres ?
    Levar amigos de volta para o Condado?
    Ou simplemesnte fugir de Orcs com vite-ligo?

    è só mandar uma borboleta para Middle-Earth Airlines, atendemos 24hrs.

    PS: Não fazemos voos perto do Complexo dos Anões, por riscos de fireball perdidas.

  2. Adorei o filme. Só fiquei puto quando fui feliz da vida pro Cinépolis ver a tão esperada nova tecnologia de 48 quadros por segundo e não vi absolutamente NADA de diferente da “filmagem normal”.
    Não sei se o cinema estava de sacanagem e não passou o filme em 48HFR na sala em que eu fiquei. Mas que foi uma bosta pagar uma grana pra assistir o filme no cinépolis que além de ter um 3D ruim pra caramba, tem aqueles óculos que escurecem a visão….foi.

    OBS: Os Nachos do Cinépolis também são uma porcaria. Parece que você está comendo isopor alaranjado com borracha derretida (com aquele “creme”).

    Assistir “O Hobbit” acabou sendo um fiasco com tanta merda que aconteceu. E apesar de ter adorado o livro, não vou gastar mais nada pra ver o filme de novo no Moviecom.

  3. Gostei muito do filme! Não lembro muito do livro [li quando era criança], mas achei até bem mais enriquecido, com mais informações pra ligar com a trilogia LOTR.

    Minha nota é 9,5/10. Algumas sequencias achei muito corrido, parecendo video-game! Os caras caiam, se esborrachavam e nada acontecia!

  4. “Não exagero ao dizer que para mim, o resultado de O Hobbit foi superior ao de A Sociedade do Anel. ”

    Não foi, não!!!! Vamos com calma!

Comenta, liso! É grátis.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: